ÁLCOOL E EXCESSO DE VELOCIDADE E MORTES

O álcool é a droga lícita mais utilizada no país. Seu uso desde a tenra idade se tornou uma
grande preocupação no mundo todo , o que inclui o Brasil. Por se tratar de uma doença
crônica , o alcoolismo necessita ser tratado , sendo que as clínicas especializadas no
tratamento de alcoolismo e dependência química são as mais procuradas no tratamento
desta patologia.

Veja também:

13 OPÇÕES DE CLÍNICAS DE REABILITAÇÃO SP DROGAS

8 sintomas para identificar o alcoolismo

Passa ano e vem ano e os números de acidentes no trânsito continuam a preocupar. Em
Curitiba, o excesso de velocidade e de álcool associado à direção são os campeões na causa
de mortes no trânsito.167 acidentes com 178 mortos: este foi o número registrado no
trânsito de Curitiba somente no ano passado. Em 44 destes acidentes com mortes, o que
equivale a 32%, a causa foi o excesso de velocidade. Em outros 40 acidentes com vítimas
fatais a vilã foi a combinação de álcool e direção. O desrespeito a sinalização de trânsito
contribuiu para que acontecessem outros 30 acidentes com mortes. O levantamento é da
Comissão de coleta de dados, análise e gestão da Informação do Projeto Vida no Trânsito
Curitiba."(CBN Curitiba).

Como podemos perceber, o álcool é a maior causa dos acidentes , onde a mistura
velocidade com a embriaguez causam lesões irreversíveis além de inúmeras mortes, muitas
delas de inocentes que se tornam vítimas ou no veículo , ou como pedestres.

De acordo com a Secretaria da Saúde de Curitiba, por dia são feitos entre 30 e 40
atendimentos de acidentes de trânsito na rede municipal de saúde da capital.
A colisão é o tipo de acidente responsável por quase metade dos óbitos, seguido por
atropelamento com pouco mais de 34% das mortes.

Pelo segundo ano consecutivo, os motociclistas foram os que mais morreram no trânsito,
representando aproximadamente 38% das vítimas. Até 2015, o principal grupo era o de
pedestres.
No perfil das vítimas, jovens entre 20 e 29 anos estão no topo do ranking. Em 2017, a
maioria das mortes foi nas noites e madrugadas de sábado e domingo.
Embora sejam os mais citados, o secretário de Defesa Social e Trânsito destaca que nem só
os motoristas são os culpados por acidentes em Curitiba." (CBN Curitiba)
A melhor forma para evitar o alcoolismo é o tratamento em uma clínica especializada em
dependência química.

Detectada a presença da doença quanto mais rápido se procura tratamento menos risco o
usuário corre . Muitas famílias podem evitar o sofrimento com o tratamento terapêutico da
doença. As comunidades terapêuticas especializadas no tratamento do alcoolismo e
dependência química em São Paulo são instituições excelentes.

 

Existem várias no estado

Em diversas cidades e com alternativas terapêuticas diferentes em cada uma delas. Bons
resultados são obtidos quando da precocidade de detecção da doença. É muito importante a
presença da família neste momento , bem como no acompanhamento do pós tratamento , na

manutenção de frequência em grupos do Alcoólicos Anônimos ou outras instituições de
apoio à dependência química e alcoolismo.
Nossa empresa ajuda na indicação e orientação de internações ,bem como no
encaminhamento dos pacientes.

Leave a Comment